FONTE DE BANCADA REGULÁVEL USANDO FONTE ATX DE PC

INTRODUÇÃO

Este é um projeto muito comum para quem é iniciante em eletrônica.
Eu já tive vários tipos de fontes de bancada, sempre reutilizando fontes de PCs antigos que eu tinha jogado em algum canto.
Neste projeto eu resolvi mostrar como fazer algo diferente, uma fonte de bancada REGULÁVEL.
O projeto é bem simples e fácil de ser executado, ele prevê duas saídas independentes com capacidade de fornecer 5A, suficiente para a maioria dos projetos.

COMPONENTES

  • Uma fonte ATX usada
  • 2 reguladores de tensão step down 5A com display (exemplo)
  • 2 potenciômetros de 10k
  • 2 knobs para os potenciômetros
  • 4 conectores para pino banana

CIRCUITO

MONTAGEM

Como pode ser observado na figura, são poucas as conexões a serem feitas, portanto eu vou me concentrar em explicar alguns detalhes da construção. Eu aconselho a ler tudo antes de sair fazendo direto.
PREPARAÇÃO DO REGULADOR DE TENSÃO
O regulador de tensão possui um mini potenciômetro nele, mas nós vamos usar o nosso próprio para controlar o regulador. Por este motivo, você deve primeiro remover o potenciômetro original da placa, e soldar três fios, que serão utilizado para conectar ao novo potenciômetro. No meu caso, eu coloquei pinos nos buracos, para permitir conectar e desconectar, mas isto é opcional.

CORTE DOS FIOS
Quando abrir a fonte e começar o trabalho, você vai perceber que há muitos fios que você não vai utilizar. Você pode cortar todos estes fios e deixá-los até com 5 cm, deixando apenas dois de cada cor mais compridos.

ADAPTAR A SUA IDÉIA PRIMEIRO AO FORMATO DA FONTE
Cada fonte ATX possui as suas características internas e externas. No meu caso, eu preferi utilizar a parte de trás da fonte por vários motivos. O primeiro motivo é que já possuia um botão de liga e desliga, que ficaria voltado para frente. Outro motivo foi o fato de ter pequenos furos que facilitavam eu fixar as peças. 
O meu único trabalho foi retirar o plugue da tomada da frente, usar o buraco para colocar os potenciômetros, usando um pequeno pedaço de acrílico que tinha por aqui, e passar o cabo de energia por um furo pelo outro lado.

VERIFICAR BEM O ESPAÇO INTERNO
As fontes costumam ser muito apertadas por dentro. Como você já deve ter passado pela etapa de corte de fios, vai perceber que ganha bastante espaço com isto, mas mesmo assim, dependendo do seu design, o espaço pode não ser suficiente. No meu design o que ajudou foi mover o cooler para fora da fonte. Ganhei um monte de espaço interno e achei que ficou até mais bonita.

TESTE O PROJETO ANTES
Antes de começar a furar a carcaça, colocar as coisas dentro, faça um teste e ligue os fios nos reguladores de tensão, como no esquema, e use um multímetro para ver se está tudo funcionando. Não vai ser nada divertido se quando chegar no final do projeto descobrir que aquela fonte usada que você havia pegado está queimada…

CONCLUSÃO

Eu não quís dar muitos detalhes da construção de propósito, pois isso ia deixar vocês com uma expectativa, e quando vocês fossem trabalhar numa fonte que fosse completamente diferente, iam tentar fazer as mesmas coisas e nada ia dar certo.
Do modo como está, eu apenas mostrei o caminho para vocês, e ainda precisa de muita criatividade da parte de vocês para fazer com que funcione. De qualquer maneira, é justamente essa a parte divertida do projeto. 🙂

Se precisar de ajuda é só falar.

Ricardo Andere de Mello
quilombodigital@gmail.com

You may also like...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Translate »